Construção da UBS Fluvial é paralisada para prevenção à COVID-19


Construção da UBS Fluvial é paralisada para prevenção à COVID-19


Saúde, publicado em 28/03/2020

A construção da UBS Fluvial de São Félix do Xingu, barco que será responsável pelo atendimento à ribeirinhos e comunidades indígenas no Rio Xingu, foi paralisada como medida de prevenção ao Novo Coronavírus. De acordo com a empresa responsável, a partir desta segunda-feira (30) os funcionários entrarão em férias coletivas e a construção de todos os barcos volta somente no próximo dia 14 de abril.

A construção da UBS Fluvial do município é realizada em Manaus, local que já conta com casos confirmados do Coronavírus, e a medida serve para proteger tanto os funcionários quando diversos outros profissionais que participam da construção, direta ou indiretamente.

UBS Fluvial

A Unidade Básica de Saúde (UBS) Fluvial, é uma unidade de atendimento que conta com todos os profissionais de uma unidade fixa. A unidade de São Félix do Xingu, que está em fase final de construção, é orçada em pouco mais de R$ 1,8 milhões, e deve oferecer atendimentos médicos, odontológicos e uma série de ações voltadas para a atenção básica em todas as comunidades ribeirinhas e aldeias indígenas banhadas pelo rio Xingu.


A Nota Oficial da empresa responsável pela construção da UBS Fluvial pode ser conferida à baixo:





Imagens relacionadas